Seguidores

Quem sou eu?

Na verdade, não sei muito bem quem sou.

Sei que sou o que sinto, do tamanho do que sinto.

Sinto-me viver vidas alheias.

Sinto as dores de quem nem está sentindo, mas eu sinto.

Sou o correr de uma lágrima, antes mesmo de chorar.

Sou um aglomerado de emoções.

Sou lamentos dos meus sofrimentos.

Sou pensamentos e pensamentos.

Sou reflexo das minhas atitudes.

Sou momento.

Sou o esquecer e o lembrar.

Sou a indagação da vida, sou ferida.

Sou o defender, o acusar.

Sou o conhecer do eu diferente.

Sou valente.

Eu sou transformação.

Sou a pessoa mais solitária do mundo,

Mas que nunca fica sozinha.

Sou a pessoa mais forte do mundo.

Mas que está sempre com medo.

Sou o exaltar das minhas realizações.

Sou mãe, sou filha, sou avó.

Sou o encontro de mim, comigo mesmo.

Sou o que sou, me orgulho muito de tudo que sou.

Enide Santos

É preciso aprender ser só

1471770_659272540848566_5716583148145266737_n

É preciso aprender

Ser só

Estar só

Não é o que queremos

Não é o que sonhamos

Mas se temos que passar por isso

Então façamos ser da melhor forma possível.

 

Em meus dias de ilha

Em tempos repletos de abismos

Visto a minha fragilidade do avesso

Para que a vida retorne aos meus olhos

Isso com muita sutileza

Para não ferir meu silêncio.

Careço também dele

Mas demarco fronteiras

 

Enclausuro a dor em lembranças.

E na brusquidão destes dias

Dou-me o direito de ser imensidão

Dou-me o direito der ser fenda

Para que escoe de mim

A aversão que sinto pela solidão.

 

Enide Santos 01/01/15

Para: Unknown

7 comentários:

  1. Demais.. infelizmente ninguém quer... mas temos que apredner a ser só.. com certeza..
    show...
    :)

    ResponderExcluir
  2. Verdade ser so e difícil mais tudo e superado! Só sinto falta do amor carencia saudade lembraca pensamento mais Deus esta comigo

    ResponderExcluir
  3. A solidão, esta profunda sensação de vazio é um estar em nós. Adorei a sua profundidade, com a "Brusquidão", por que definiu bem este conflito entre sermos seres sociais e depararmos com o silêncio íntimo. Encantou, como sempre, Enide.

    ResponderExcluir
  4. Aprender a ser só e feliz é de muita coragem e sabedoria. Dependemos apenas de nós para sermos felizes.
    Beijinhos, querida poetisa
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
  5. Oi Enide
    Acho que ninguém quer ser só mas às vezes estar só e uma atitude muito sábia..
    Beijos no coração

    ResponderExcluir
  6. Sempre muito lindo! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
  7. A vida obriga-nos a aprender tanto, viver na solidão é um dos ensinamentos que nem todos sabem ou compreendem...
    Por vários acontecimentos pelos quais passei na vida, confesso que aprendi a ficar só...
    Identifico-me bastante neste seu poema Enide, pois também tenho um no meu blogue alusivo ao mesmo tema.
    Deixo um beijinho com carinho
    Maria

    ResponderExcluir

É maravilhoso poder descrever sentimentos, e poder dividi-los
Agora aguardo ansiosa seus comentários.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...