Seguidores

Quem sou eu?

Na verdade, não sei muito bem quem sou.

Sei que sou o que sinto, do tamanho do que sinto.

Sinto-me viver vidas alheias.

Sinto as dores de quem nem está sentindo, mas eu sinto.

Sou o correr de uma lágrima, antes mesmo de chorar.

Sou um aglomerado de emoções.

Sou lamentos dos meus sofrimentos.

Sou pensamentos e pensamentos.

Sou reflexo das minhas atitudes.

Sou momento.

Sou o esquecer e o lembrar.

Sou a indagação da vida, sou ferida.

Sou o defender, o acusar.

Sou o conhecer do eu diferente.

Sou valente.

Eu sou transformação.

Sou a pessoa mais solitária do mundo,

Mas que nunca fica sozinha.

Sou a pessoa mais forte do mundo.

Mas que está sempre com medo.

Sou o exaltar das minhas realizações.

Sou mãe, sou filha, sou avó.

Sou o encontro de mim, comigo mesmo.

Sou o que sou, me orgulho muito de tudo que sou.

Enide Santos

Epístola -15

1378611_568754069860673_704523993_n

Fragmentos de mim

 

O nosso primeiro amanhecer juntos, não poderá mesmo acontecer, não é mesmo?

Somente em nossos sonhos ele ousou existir.

Nossas noites irão permanecer vazias de nós,

E o tão sonhado primeiro despertar ao teu lado, não virá.

Que ninguém se atreva a me pedir para arrancar-te de mim!

Porque simplesmente isso não vai ocorrer, não vou permitir que se vá daqui

nunca "amor meu", nunca enquanto eu existir.

O amor que tenho por ti é um sopro divino que fora derramado em mim.

Gosto tanto e tanto de quem sou e de como sou quando este sentimento penetra em cada um de meus pensamentos.

A vida, o destino, o tempo não sei quem ou o que tenho que enfrentar, mas nada absolutamente nada vai tirar-te daqui.

Tenho plena convicção de que não posso ser importante para ti como tu és para mim, mas sei exatamente como ficas perfeito em mim.

Ainda sinto-me completa por ter podido vestir-me com teu olhar.

Ah! O teu olhar...

Ah! Este teu olhar, ele é o responsável por eu me apaixonar, por eu tanto e tanto te amar "minha vida”.

Ainda que tu sejas eterna saudade, jamais te arrancarão de mim, "amor meu".

Que sejas apenas lembranças de um pouco do passado que fizemos, mas não te tirarão de mim. Ainda quando eu me deitar para sempre.

Quando meus pensamentos forem apenas ecos no passado.

Ainda que apenas pó eu for, ainda seremos "eu e você”.

Pó de mim com você.

 

Enide Santos 30/03/14

Um comentário:

  1. Belsa poesia onde a chama do eterno amor está presente.
    Beijos.

    ResponderExcluir

É maravilhoso poder descrever sentimentos, e poder dividi-los
Agora aguardo ansiosa seus comentários.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...