Seguidores

Quem sou eu?

Na verdade, não sei muito bem quem sou.

Sei que sou o que sinto, do tamanho do que sinto.

Sinto-me viver vidas alheias.

Sinto as dores de quem nem está sentindo, mas eu sinto.

Sou o correr de uma lágrima, antes mesmo de chorar.

Sou um aglomerado de emoções.

Sou lamentos dos meus sofrimentos.

Sou pensamentos e pensamentos.

Sou reflexo das minhas atitudes.

Sou momento.

Sou o esquecer e o lembrar.

Sou a indagação da vida, sou ferida.

Sou o defender, o acusar.

Sou o conhecer do eu diferente.

Sou valente.

Eu sou transformação.

Sou a pessoa mais solitária do mundo,

Mas que nunca fica sozinha.

Sou a pessoa mais forte do mundo.

Mas que está sempre com medo.

Sou o exaltar das minhas realizações.

Sou mãe, sou filha, sou avó.

Sou o encontro de mim, comigo mesmo.

Sou o que sou, me orgulho muito de tudo que sou.

Enide Santos

Epístola - 11

1385847_568754773193936_618069914_n

Fragmentos de mim

 

Há alguém...

 

Então minha alma esta presa

em um passado que não é meu

em um passado que não me pertence

ou quem sabe eu não o reconheça.

 

Mas que de alguma forma

dita minha vida

mexe com meu presente

e importuna meu futuro

 

Há alguém que fala dentro de mim

alguém que não sou eu

que desconheço seus gostos

não compreendo suas emoções

mas reconheço certos atos

fascino-me com certas atitudes

encanto-me com sua coragem

 

Há um sentir que não é meu

mas que faz parte de mim

não compreendo

não consigo alcançar

Talvez venha de outras vidas

ou de um sonho

que foi esquecido de sonhar

 

Ah! Este desejo persistente

este sabor que sinto

e não o reconheço

estes sons

estes medos

 

Não sei o porquê das lágrimas

mas sinto que é preciso chora-las

Há realmente alguém em mim

que não sou eu

mas que luta muito pra ser.

 

Enide Santos 23/10/13

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É maravilhoso poder descrever sentimentos, e poder dividi-los
Agora aguardo ansiosa seus comentários.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...